Mini-concurso Histórias em 77 palavras (3º da ESO C)

Aceitámos os desafios nº 37 - Uma história sem usar a letra A e o desafio nº 76- escrever sem a letra O do Blogue Histórias em 77 palavras e os alunos construíram e elegeram a melhor história.

 

A história vencedora pertence à Sandra Antúnez e à Irene Almazán.   Parabéns!

Desafio nº 76                                                                 1__LUGAR_makebadges-1497279178

Férias na praia?

A Sandra vai à praia nas férias, mas a sua família quer ir à piscina. Ela estava chateada e queria ir à praia sem ninguém. Na praia, ela agitava-se na areia e achava que a água estava diferente . Ela começa a andar depressa, e vê muita gente a gritar. Ela sabe que é um tsunami, está quase a alcancá-la, ela começa a gritar, a andar rapidamente, pensa que vai falecer. De repente, ela sai agitada da cama. 

 

Na janela aberta

A Sara apercebeu-se um dia que da sua janela se via a casa do Archie e ela sentia muita felicidade. Um dia ela estava sentada na sua cadeira a ler e Archie apareceu triste através da sua janela. Ela inquieta perguntou: Que fazes na minha casa? Ele disse: tive dúvidas em vir à tua casa, eu estive a pensar muitas vezes em ti, vejo-te da minha janela e dizia: És a mais bela, Sara. Ninguém disse nada.

Gema Bárbara Gil, María Elias, Luisa Gómez

 

Narnia

Na semana passada vi um filme de animais que falavam e eram grandes. Eram animais bastante inteligentes. Eles queriam dançar e ser livres, mas estavam encurralados numa cela e estavam tristes. Mas um dia fugiram, apanharam umas bicicletas vermelhas grandes e tinham três luzes. Mais tarde, decidiram viajar para um lugar chamado Narnia. Em Narnia havia muita gente e fizeram amizades mágicas. Passaram três semanas. Nesta cidade ficaram livres, alegres e viveram felizes até à semana seguinte.

Rubén Donoso, Diego Vadillo

 

Desafio nº 37

O homem do vinho

 Ernesto foi um homem muito sério. Ninguém soube porque ele trouxe um sorriso nesse momento. Entrou no hotel e pediu um copo de vinho. Depois subiu. O homem do hotel quis perceber o porquê, mas nem sequer perguntou. Uns minutos depois, o nosso homem desceu e cruzou o hotel inteiro. Deixou o edifício. Nesse momento um menino disse: “Um morto! Um morto no corredor!” Todos os homens e mulheres do povo dormem com temor desde esse momento.

Alba Molina, Jorge Reina

 

MD Pollo

Este é um grupo de jovens que põem vídeos no Youtube e têm muitos seguidores pelo seu conteúdo divertido e cómico, têm um estilo muito diferente dos outros Youtubers, todos vivem em Tenerife. Um dos vídeos foi visto por quinhentos mil seguidores, foi o “Seven Sweets”. Todos os meses eles têm concertos por todo o mundo, vivem deste seu conteúdo, têm muito dinheiro e o número de seguidores cresce velozmente. Um dos jovens é um novo youtuber.

 Alejandro Díaz, Arturo Delgado, Hugo Calderón

 

 

Sobre o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas

Clica no link  para visualizar o vídeo.

https://vimeo.com/222162667

 

Concurso ” A minha Sardinha”

Os alunos de 4º da ESO da nossa escola criaram bonitas sardinhas e muito originais para participar no concurso. Parabéns!!!

Os prémios para as três melhores sardinhas são aliciantes :D

 

http://

Feito com Padlet

 

Alfabeto Cultural do 1º Bachillerato B e C

Na véspera da celebração do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, aqui publicamos o Alfabeto Cultural da turma de 1º de Bachillerato B e C.

Clica aqui.

Alfabeto Cultural (1º Bachillerato B,C).

“A Marcha dos Desalinhados”

Os alunos de 1º de bachillerato D e F escreveram as suas versões sobre a letra da canção “Marcha dos Desalinhados” da banda musical  portuguesa “Resistência” que está de volta aos palcos.

Vejam o video clip aqui: Marcha dos Desalinhados

http://

Feito com Padlet

 

As Nossas Fotos

 

 

A Minha Viagem…

 

No dia 16 de Março de 2017,  a minha turma do 4ºC e a do 3ºC, fizemos uma viagem a Covilhã. Partímos de Badajoz ás 8:15. O percurso de autocarro durou umas duas horas e meia, foi muito agradável, a outra turma era muito boa e muito simpática. E estávamos todos ansiosos por chegar.

Em primeiro lugar, já na Covilhã, visitámos o Museu dos lanifícios. Conhecemos as suas instalações e a sua história, mediante um guia, um senhor muito simpático. Aprendemos como se fazia a lã, como a sua tecnologia evoluiu e que aquele edifício, primeiro foi um quartel do exército, depois a fábrica de lã e por último um museu que pertence a uma universidade. A visita foi interessantísima.

 

A seguir, tínhamos de ir para o liceu, durante o caminho passámos por um parque onde havia uma fonte, eu quis vê-la de perto e o meu mau azar foi que pisei um charco que parecia  relva porque estava coberto de folhas. Mas ainda bem que eu tinha levado as botas de neve e pude trocá-las.

 

Mais tarde, por volta do meio dia, chegámos ao liceu. Entrámos na cantina e comemos. Infelizmente, não gostámos muito da comida porque estava um pouco insonsa. Depois disto, organizaram um karaoke e nós, os espanhóis quase fizemos uma festa e os alunos portugueses eram muito mais tímidos.

A segunda e última atividade no liceu, foi o peddypapper onde fizemos equipas de espanhóis e portugueses juntos. Nesta atividade pudemos conversar e conhecer alunos e alunas muito giros e sobretudo atenciosos connosco. É verdade que tínhamos gostado de voltar a ver os miúdos do ano passado porque fizemo-nos amigos mas gostámos muito destes também, divertimo-nos muitíssimo.

 

Logo, as quatro horas da tarde, subimos à Serra da Estrela. À ida, estávamos com imensa vontade de brincar na neve. À medida que íamos subindo não víamos rasto nenhum de neve, portanto começámos a ficar desiludidos.

Para a nossa surpresa, já lá em cima na serra, havia neve, não tinha muita mas a suficiente para brincar e tirar fotos.  Passámos ali quase duas horas. Quando a professora disse que tínhamos de ir embora, foi uma grande lástima.

 

Finalmente, no regresso, estávamos todos cansados e muito molhados.

 

Pessoalmente adorei a viagem, gostei muito de conhecer os miúdos portugueses; é uma oportunidade que deveríamos aproveitar todos. Gostei também da subida à neve, nem sempre posso ir à neve e desfrutar daquelas belas vistas e dos meus colegas.

 Laura Ribeiro

4ESO

Concurso Internacional de Leitura

Nesta 4ª Edição do Concurso Internacional de Leitura promovido pelo Camões, I.P., em parceria com o Plano Nacional de Leitura em Portugal, foram alguns os alunos de Bachillerato que participaram. O Manuel Vázquez do 2º de Bachillerato foi o aluno desta escola que alcançou a melhor nota. Estão todos de parabéns!

1º de Bachillerato

IMG_20170220_105759

  (Daniel Morales e Sara Teodoro)

2º de Bachillerato

IMG_20170221_092242

(Da esquerda para a direita: Manuel Vázquez, Manuel Portero, Fernando Díaz e David Cordón)

Mais histórias com 77 palavras

No blogue http://77palavras.blogspot.com.es/ da escritora Margarida Fonseca Santos, podemos consultar mais histórias de 77 palavras que os nossos alunos escreveram. O difícil desafio (nº 8) consistia em escrever apenas com as letras A E O T R S P L M N D C. Os alunos de 1º de Bachillerato B e C escreveram os seus textos e um deles foi o escolhido para ser lido na Rádio Miúdos pela escritora. A história pertence ao  aluno Enrique Ruiz Martínez com o título “Os carros”. Querem ouvir?

http://77palavras.blogspot.com.es/2016/12/os-carros.html

O preconceito